fbpx

Daniel Gouveia

 

Quando falamos em higiene bucal, a limpeza dos implantes dentários deve ter o mesmo cuidado e atenção que você tem com os dentes naturais. Imaginar que os implantes precisam de menos cuidados do que os dentes representa um risco à sua saúde.

Perigos da má higienização

A formação da placa bacteriana é um dos problemas mais comuns e não se diferencia da placa formada sobre as superfícies dentais naturais que, além de comprometer o implante, pode também afetar a saúde em geral.

A má higienização dos implantes dentários favorecem o surgimento de doenças peri-implantares como a infecção do tecido ósseo ao redor do implante causado pela placa bacteriana. O osso ao redor do implante é reabsorvido comprometendo do implante.

As doenças peri-implantares são classificadas em mucosite peri-implantar e peri-implantite. A primeira é uma reação inflamatória reversível nos tecidos ao redor dos implantes. Neste caso, há presença de inflamação na mucosa ao redor do implante sem sinais de perda de suporte ósseo e as lesões são, muitas vezes, assintomáticas, diagnosticadas em consultas de rotina e manutenção. Já nas doenças peri-implantite o processo inflamatório afeta os tecidos ao redor do implante, mas com um fator agravante: a perda do osso de suporte e estão acompanhadas de sangramento.

Limpeza Implantes dentários

Saiba como higienizar os implantes dentários

A limpeza adequada dos implantes dentários é bastante importância para manter a saúde gengival sempre em dia e, consequentemente, a durabilidade da tratamento com implantes dentários. Para isso, existem algumas dicas que podem ajudar na higienização dos implantes dentários:

1. Escova dental: Você pode utilizar sua escova dental para a limpeza, porém, deve ser pequena e mais compacta para que a eliminação da placa bacteriana seja feita de forma suave nas regiões recém-operadas. Também é recomendado optar por cerdas macias.
2. Escovas Interdentais: Outra dica é o uso de escovas interdentais, uma forma prática e eficiente de limpeza para seus implantes. As escovas interdentais são próprias para limpar entre os dentes e os implantes, sendo muito indicadas para quando os espaços interdentários estão aumentados e o fio dentário não consegue alcançar, possibilitando a limpeza da região entre os dentes e a gengiva sem traumatizar os tecidos e os implantes.
3. Fio Dental: O uso de fio ou fita dentária não está dispensado para os implantes dentários. É essencial para manter implantes, as pontes ou barras fixas sempre limpos e livres de placa bacteriana.
Existem algumas linhas que possuem fio dental específicos para implantes, sendo mais finos e que não prejudicam a fixação.

Depois dessas informações, você ainda tem alguma dúvida sobre a higiene de implante dentário? Agende sua consulta e tire-a agora mesmo! Ou me acompanhe nas redes sociais para mais informação!

17 de outubro de 2018

Implantes dentários: você sabe como higienizar?

  Quando falamos em higiene bucal, a limpeza dos implantes dentários deve ter o mesmo cuidado e atenção que você tem com os dentes naturais. Imaginar […]
6 de agosto de 2018

5 Curiosidades sobre a higiene bucal

Nossa higiene bucal possui várias curiosidades que nos ajudam a melhorar os cuidados com nossos dentes no dia a dia. É muito importante que você tenha […]
25 de maio de 2018

3 benefícios das lentes de contato dental para você

Sempre recebo pacientes que estão em busca das lentes de contato dental, mas que travam na hora de decidir. O procedimento é realmente bom? Vai sair […]
27 de abril de 2018

Facetas de porcelana: até Morgan Freeman aderiu

Demorou, mas o ator Morgan Freeman também se rendeu aos procedimentos de estética bucal. O ator hollywoodiano fez a aplicação de facetas de porcelana, que tem […]